IGUALDADE E DESIGUALDADE SOCIAL DO PONTO DE VISTA REENCARNACIONISTA

Jul 26th, 2014 | By | Category: Artigos

jorgeAcompanhamos pela Internet, através das redes sociais, os legítimos clamores populares em face do atual cenário político brasileiro. Observa-se pujante manifesto de reproche da massa, considerando os caminhos obscuros que representam para o futuro da Pátria do Evangelho o presumível hasteamento da bandeira afogueada do ideário extremista. O inconsciente coletivo está provido de fatos históricos contemporâneos em cuja ribalta a “universal” flâmula rubra do absolutismo materialista foi desfraldada sobre os entulhos cadavéricos de milhões de cidadãos chineses , soviéticos, cubanos, norte-coreanos, trucidados nos últimos 50 anos.

Nos dois últimos séculos a violência ideológica engendrou o cenário vastíssimo de lutas inglórias. Todas as ciências sociais têm sido solicitadas para os grandes debates sobre o capitalismo e o comunismo. O Espiritismo se apresenta na discussão a fim de encorajar a luta pela paz, a fim de que não se perca os bons frutos dos que trabalharam e padeceram no esforço penoso da harmonia de todos. Com as comprovações da sobrevivência, o Espiritismo vem reabilitar o Evangelho, esparzindo, igualmente, os perenes preceitos do Mestre de Nazaré na intimidade do coração humano.
Sob o pilar da reencarnação, a Doutrina dos Espíritos elucida a incoerência das teorias do igualitarismo [comunismo], coopera no reparo do adequado caminho da evolução social. Emoldurando o socialismo nos apelos cristãos, não se deslumbra com as reformas exteriores, para rematar que a excepcional renovação considerável é a do homem interior, célula viva do organismo social de todos os tempos, pugnando pela ativação dos movimentos educativos da criatura, à luz eterna do Evangelho do Cristo.
O Espiritismo anuncia o regime da responsabilidade, em que cada Espírito deve enriquecer a catalogação dos seus próprios valores. “Não se engana com as utopias da igualdade absoluta [comunismo], em vista dos conhecimentos da lei do esforço e do trabalho individual, e não se transforma em instrumento de opressão dos magnatas da economia e do poder [capitalismo], por consciente dos imperativos da solidariedade humana”. 1
Não adota o princípio das revoluções por questões menores, porque exclusivamente a evolução é o seu anfiteatro de atividade e de experiência, afastado de todas as guerras pela compreensão dos laços fraternos que reúnem a comunidade universal, “ensina a fraternidade legítima dos homens e das pátrias, das famílias e dos grupos, alargando as concepções da justiça econômica e corrigindo o espírito exaltado das ideologias extremistas”. 2
Indagado sobre a desigualdade verificada entre as classes sociais, o Espírito Emmanuel esclareceu que “a desigualdade social é o mais elevado testemunho da verdade da reencarnação, mediante a qual cada espírito tem sua posição definida de regeneração e resgate. Nesse caso, consideramos que a pobreza, a miséria, a guerra, a ignorância, como outras calamidades coletivas, são enfermidades do organismo social, devido à situação de prova da quase generalidade dos seus membros. Cessada a causa patogênica com a iluminação espiritual de todos em Jesus Cristo; a moléstia coletiva estará eliminada dos ambientes humanos”.3
Refletindo sobre o ideário comunista, o mentor de Chico Xavier elucida o seguinte: “a concepção igualitária absoluta [comunismo] é um erro grave em qualquer departamento da vida. A tirania política poderá tentar uma imposição nesse sentido, mas não passará das espetaculosas uniformizações simbólicas para efeitos exteriores, porquanto o verdadeiro valor de um homem está no seu íntimo, onde cada espírito tem sua posição definida pelo próprio esforço”. 4
Allan Kardec pronuncia que “a desigualdade das riquezas é um dos problemas que em vão se procuram resolver, quando se considera apenas a vida atual. A primeira questão que se apresenta é a seguinte: Por que todos os homens não são igualmente ricos? Por uma razão muito simples: é que não são igualmente inteligentes, ativos e laboriosos para adquirir, nem sóbrios e previdentes para conservar”.5 Para o Codificador “a pobreza é para uns a prova da paciência e da resignação; a riqueza é para outros a prova da caridade e da abnegação. Razão pela qual o pobre não tem, portanto, motivo para acusar a Providência, nem para invejar os ricos, e estes não o têm para se vangloriarem do que possuem. Se, por outro lado, estes abusam da fortuna, não será através de decretos, nem de leis suntuárias, que se poderá remediar o mal”. 6
Deus nos outorga a todos uma oportunidade idêntica ante a dinâmica do tempo. Todos temos os direito de conquistar a sabedoria e o amor pelo cumprimento do dever e do entusiasmo individual. Impregnamos o próprio mapa de méritos nas lutas do dia a dia. Sobre as questões proletárias, obviamente elas podem ser resolvidas sem violências, sobretudo quando forem categoricamente aceitos e aplicados os princípios abençoados do Evangelho. “Os regulamentos apaixonados, as greves, os decretos unilaterais, as ideologias revolucionárias, são cataplasmas inexpressivas, complicando a chaga da coletividade. Todos os homens são proletários da evolução e nenhum esforço de boa realização na Terra é indigno do espírito encarnado. Cada máquina exige uma direção especial, e o mecanismo do mundo requer o infinito de aptidões e de conhecimentos”. 7
A harmonia da sociedade não virá por decretos, nem de parlamentos que caracterizam sua ação por uma força excessivamente passageira. É desnecessário desviarmos o tempo com debates inócuos a fim de identificarmos o desengano das teses de Karl Marx. Reafirmamos que seus seguidores (sequer creem em Deus) “sonham com a igualdade irrestrita das criaturas, sem compreender que, recebendo os mesmos direitos de trabalho e de aquisição perante Deus [acreditem ou não!], os homens, por suas próprias ações, são profundamente desiguais entre si, em inteligências, virtude, compreensão e moralidade”. 8
Com magna acuidade o notável Leon Denis proferiu: “O Espiritismo é, ninguém se engane, um dos maiores acontecimentos da história do mundo. Assim hoje, em face das doutrinas religiosas enfraquecidas, petrificadas pelo interesse material, impotentes para esclarecer o Espírito humano, ergueu-se uma filosofia racional, trazendo em si o germe de uma transformação social, um meio de regenerar a Humanidade, de libertá-la dos elementos de decomposição que a esterilizam e enodoam”. 9

Jorge Hessen

Referências bibliográficas:
1 Xavier, Francisco Cândido. A Caminho da Luz, ditado pelo Espírito Emmanuel, Rio de Janeiro: Ed. FEB, 1977
2 Idem
3 Xavier, Francisco Cândido. O Consolador, ditado pelo Espírito Emmanuel, Rio de Janeiro: Ed. FEB, 1999, questão 55
4 Idem, questão 56
5 Kardec, Allan. O Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo XVI, item 8, Rio de Janeiro: Ed. FEB, 1990
6 Idem
7 Xavier, Francisco Cândido. O Consolador, ditado pelo Espírito Emmanuel, Rio de Janeiro: Ed. FEB, 1999, questão 57
8 Idem, questão 234
9 Denis, Leon. Depois da Morte, capitulo 24, Rio de Janeiro: Ed. FEB, 1998

Tags: , ,

10 Comments to “IGUALDADE E DESIGUALDADE SOCIAL DO PONTO DE VISTA REENCARNACIONISTA”

  1. Carlos Pacheco diz:

    EXCELENTE: Simples, Objetivo, Claro e Conclusivo. Que Jesus continue te abençoando, livrando-te dos beijinhos, palmas e elogios, os perigos dos bons missionários como nos alerta os Espíritos Mensageiros no Prolegômenos do LE..

  2. Gilmar da Cunha Trivelato diz:

    Prezado Hansen,

    Sempre leio com atenção seus preciosos ensaios e geralmente representam as mesmas posições que adoto em vários aspectos. Neste último tenho uma pequena observação a fazer. No cenário político brasileiro atual não vejo que há qualquer ameaça ou proposta de ideário comunista a ser implantado no sentido clássico deste termo, tais como a promoção de mudanças estruturais por processos revolucionários. Claro que sempre existiu e existe de alguns grupos extremistas em número bastante reduzido, que podem ser ruidosos mas não constituem ameaça séria. O clamor que existe e citado no seu texto é de uma maioria desinformada e de alguns cidadãos que se sentem ameaçados em seus privilégios, construídos injustamente. Essas pessoas vêem qualquer intervenção do Estado no sentido de implementar políticas públicas que buscam por em prática a solidariedade, ou corrigir injustiças cometidas no passado, como uma “ameaça comunista”. Outra aspecto importante: confundem qualquer ideário socialista com comunismo radical, implantado por processos revolucionários. Cabe ressaltar que os princípios constantes em o Livro dos Espíritos relativo às leis morais, e mesmo no Evangelho de Jesus, dão sustentação a uma forma de “socialismo cristão”. L Leon Denis era um exemplo de socialista cristão, O livro Nosso Lar descreve uma comunidade em que o socialismo cristão é praticado, como um exemplo para nosso futuro.. Claro que as mudanças não podem ser impostas pela violência. Exige a transformação moral das criaturas, mas também das estruturas sociais, num processo dinâmico mas não espontâneo. A chamada “ameaça comunista” tão combatida no período da Guerra Fria, na minha opinião, não existe concretamente no cenário político brasileiro. As pessoas que sustentam tal posição são, na maioria, desinformados ou defensores de interesses egoísticos. Outro aspecto que gostaria de destacar: Espiritismo não defende posições do liberalismo clássico como às vezes seu texto dá a entender. Espero que ele não dê sustentação as essas manifestações que considero reacionárias no sentido em que se opõem ao movimento da construção da verdadeira solidariedade humana.

  3. JORGE CERVA diz:

    Prezado irmão Jorge Hessen

    Mais um excelente texto de sua lavra.
    Parabéns.
    E infelizmente, temos “espíritas” comunistas e de extrema esquerda,
    como também de extrema direita (todo extremismo é prejudicial),
    que não entenderam ainda a Doutrina Espírita e querem transformar
    a Pátria do Evangelho em mais uma pátria vermelha, vermelha do sangue
    de seus irmãos…
    Enviei para todos os meus contatos, com os devidos créditos e endereço.
    Um abraço fraterno

    Jorge Cerva
    Santa Cruz do Sul

  4. Ana Suzuki diz:

    Sou reencarnacionista. Considero o igualitarismo uma caricatura da igualdade de oportunidades, que é uma outra coisa. Qualquer extremismo, seja cristão
    ou islâmico, é simplesmente lamentável, trevoso.

  5. Carlos martel diz:

    DOM ALOÍSIO ROQUE OPPERMANN

    ARCEBISPO EMÉRITO DE UBERABA (MG)

    Se os serviços públicos são geridos por empresas
    particulares, ou pelo governo, é uma questão de
    eficiência. Não é de ideologia política.
    Mas não esqueçamos que os serviços públicos “gratuitos”
    alguém os precisa pagar. A passagem de ônibus eu posso
    pagar do meu bolso, diretamente para a companhia particular,
    que presta esse serviço.
    Ou eu entrego essa mesma contribuição ao governo, para que ele a administre. Não existe jantar gratuito.
    O socialismo sempre fascinou a mente humana, porque parece ser mais justo, e atender melhor à parte mais pobre da humanidade.
    Isto, precisamente, sempre foi o ponto fraco do capitalismo:
    não ter plano de salvação para os perdedores.
    Mas o socialismo carrega consigo uma mancha execrável.
    Não é capaz de respeitar o que é inerente ao ser humano, que é a sua liberdade.
    Como não conseguirá jamais se estabelecer com a concordância
    dos cidadãos, precisa se impor à força.
    As cabeças de quem pensa, e é cioso em permanecer livre, rolam
    inexoravelmente. Esse regime é o mais catastrófico da
    história, tendo assassinado mais de 80 milhões de
    rebeldes.
    Tornou-se uma mancha na história da humanidade.
    No Brasil, alegremente estamos correndo para os braços das
    ditaduras.
    Sem pejo nenhum, e sem falsete no rosto dos
    nossos dirigentes, temos relações diplomáticas
    preferenciais com nações, onde as liberdades individuais
    são uma quimera.
    As visitas oficiais a certos países, de
    visceral princípio socialista, são uma constante.
    A importação de médicos estrangeiros (não quero duvidar de
    sua competência profissional), tem como objetivo acostumar
    nossa população com as belezas do socialismo.
    Os gastos financeiros com doações em favor de nações mais pobres
    (todas socialistas), são uma constante.
    Os Black Blocs,quebrando com grande satisfação os Bancos, mostram que já estão infectados com esse vírus, francamente anti-livre mercado.
    Os que querem os serviços públicos todos gratuitos, vivem de um delírio deplorável.
    Tudo está sendo feito à luz do sol.
    Os condutores da nação terão o direito de dizer: “eu avisei”.
    É muito provável que entre os condenados pelos
    crimes do mensalão, já se
    encontrem aqueles que, no futuro,
    serão os dirigentes da Nação.”

    ***

    NÃO É NECESSÁRIO SER MUITO ESPERTO PARA ENTENDER O ACIMA EXPOSTO,
    JÁ ESTÁ AÍ FAZ TEMPO, SE SOLIDIFICANDO A CADA DIA.
    Depois…. não vão dizer que nao sabiam e
    não se defenderam porque não foram avisados….
    as URNAS estão aí.

    SOMOS O QUE FAZEMOS REPETIDAMENTE.
    POR ISSO O MÉRITO NÃO ESTÁ NA AÇÃO , E SIM NO HÁBITO.
    (Aristóteles)

  6. Daniela Miranda diz:

    Enquanto Jesus Cristo dizia “mais fácil é passar um camelo pelo fundo de uma agulha, do que entrar um rico no reino dos Céus”, eu como espírita, tenho de constatar com tristeza que sim, a doutrina é elitista.

    Enquanto os protestantes creem da predestinação, previsível por intermédio dos sinais exteriores de progresso material, o espiritismo infere, a partir da posição social do indivíduo, o progresso moral desse espírito ao longo das reencarnações e, na minha singela analogia, igualmente se equivoca.

    Jesus Cristo nasceu pobre e ninguém sabe ao certo se meu irmão de humanidade nascido em condição de penúria é ou não um espírito elevado.

    Eu tendo a crer que “Espírito de Luz” é aquele que tudo suporta, não gente que, como eu, sempre teve o mingauzinho na boca e chegou onde chegou com o auxílio de uma bela estrutura familiar e financeira de apoio.

    Gostaria de ver esse debate progredir positivamente.

  7. Irmãos W. diz:

    Olá

    Caro Jorge Hessen…

    Os artigos que monta são sem palavras!!!

    Obrigado por ofertar a todo mundo espírita!!!

    Existem muitos espíritas tidos sábios mais não descem de seus pedestrais para ajudar os samaritanos da vida

    Irmãos W
    http://www.autoresespiritasclassicos.com

  8. SERGIO DE JESUS ROSSI diz:

    Caro Jorge,
    Acabei de ler o seu artigo sobre a igualdade e a desigualdade na sociedade dos homens.
    São perfeitas as colocações sobre idéias e ideologias que pretendem, presunçosamente, consertar o mundo.
    Sempre resultarão em inevitável banho de sangue, como a História tem mostrado com gritante eloqüência.
    O “Livro Negro do Comunismo” denuncia que cerca de 200 milhões de pessoas foram assassinadas por celerados de origens e etnias variadas, mas plenamente convergentes no absoluto desprezo à vida humana.
    Desde a década de 20 até hoje, presenciamos crimes contra a humanidade em locais como União Soviética e sua Cortina de Ferro, China, Coréia do Norte, Cuba, Camboja e outros menos citados, mas igualmente capazes da destruição indiscriminada de qualquer um que se atreva a discordar da vontade do tirano da hora.
    Para esses facínoras do poder, o cidadão não tem sequer o direito de pensar, como nos mostra, exemplarmente, o livro “1984”.
    Percebemos também, e principalmente, que o chamado ao bom senso não é recente, já que o posicionamento de Kardec, há 160 anos, já alertava para os riscos do totalitarismo, em libelo que se mantém atual e necessário.
    Portanto, meus sinceros cumprimentos.
    Grande abraço fraterno
    Sergio de Jesus Rossi

  9. Márcio diz:

    Meus parabéns pelo texto.
    Pra quem acha que Espiritismo e Socialismo caminham juntos, recomendo as seguintes leituras:
    1 – “Obras Póstumas, página 337, Primeira Revelação de Minha Missão”, onde numa reunião de mesas gerantes, um tal “Sr. M.”, mais tarde tendo sido sugerido que seria Marx, é chamado pelo mentor espiritual de “espada que não fere, porém mata… contra tudo o que é será o primeiro a vir…”; e
    2 – “A Caminho da Luz”, no capítulo XXIV, Emmanuel diz o que pensa sobre o socialismo, em tom desabonador.
    No programa Pinga Fogo, de 1971, Chico Xavier considera o comunismo um mal pior que a ditadura militar. Eis o link: https://www.youtube.com/watch?v=98Y4ibD_XZ0
    Herculano Pires também se manifesta contra o comunismo.
    Em O Livro dos Espíritos existem inúmeras respostas no entendimento de que a propriedade privada é legítima, além de falar sobre a diversidade de talentos entre os espíritos, como fator de diversidade.
    Maria também fala sobre os erros da Rússia em sua aparição às crianças portuguesas.
    Porque a Espiritualidade Maior se mostra, enfim, contra o Comunismo? Ora, porque se trata de uma ideologia calcada na inveja, que fomenta o ódio contra o diferente; materialista, que trabalha na desagregação dos valores, principalmente da sociedade cristã, apoiando o aborto, a legalização de drogas, entre inúmeras outras coisas. Vide Gramsci.
    O socialismo se apresenta como a ideologia que levará a prática das máximas cristãs (“espada que não fere”, não escandaliza. Só seduz, por usar trajes de justiça social), mas que causou muito mais mortes que o próprio nazismo no último século (“porém, mata”).
    A Espiritualidade foi perfeita em seus avisos sobre tudo o que viria.
    O Cristianismo não pode vir, verdadeiramente, senão por meio da evolução das consciências. Jamais por uso da força estatal ou militar, como ocorreu nos países onde o comunismo enraizou.
    Pra se haver uma ditadura não mais são necessários tanques de guerra. Basta a desinformação ou a supressão da informação, inclusive da relativização dos valores.
    É bem isso o que está ocorrendo em toda a América Latina, onde Cuba e Venezuela são os países que mais avançaram rumo a uma ditadura comunista. E o Brasil, vem, paulatinamente, trilhando os mesmos caminhos antes seguidos por estes países.
    Apoiar o comunismo ou o socialimos (dá na mesma) é ir contra o sonho do Cristo de ver o Brasil se tornar a Pátria do Evangelho.
    Abraços a todos.

  10. William diz:

    Maravilhoso texto. Aprendi muito com ele, que está cheio de verdades.

Deixe um comentário